Dicas especiais de Óleo de Massagem

Dicas especiais de Óleo de Massagem

Óleos de Massagem, são parte fundamental para que a sua sessão de massagem, seja completa e prazerosa.

Eles servem para evitar que ocorra atritos dolorosos entre as mãos do massagista e a pele de quem recebe a massagem, além de liberar aromas que promovem relaxamento, conforto e bem estar, além de, hidratar a pele e torná-la mais bonita e saudável.

Há diversos tipos de óleos de massagens disponíveis no mercado, cada um com potenciais propriedades benéficas para a pele, conheça alguns deles.

 

Óleos de massagem hidratantes

Óleos de massagem recomendados para tratar e hidratar a pele, danificada pelo sol, ou, ressecada, são: óleo essencial de áloe vera, óleo essencial de sândalo e óleo de orquídea.

Embora todos os tipos de óleos de massagem sejam hidratantes, estes citados anteriormente possuem maior capacidade de hidratação.

Óleos de massagem relaxante

Os óleos essenciais relaxantes exalam aromas que promovem conforto e faz com que o cliente sinta bem estar, são eles: óleo essencial de orquídea, melissa e lavanda. O óleo de melissa diminui a ansiedade e o nervosismo, enquanto o óleo de orquídea relaxa os músculos e acalma. A lavanda é um calmante natural.

Óleos de massagem para alívio da dor

A massagem aplicada para aliviar tensões e dores musculares deve ser acompanhada de óleos  essenciais de camomila que atua sobre as dores provocadas pela má postura e exercícios intensos, e, óleo essencial de eucalipto, que alivia as dores musculares, artrites, e reumatismo.

Óleos essenciais para infecções da pele

O óleo essencial indicado para peles com propensão a infecções, é o óleo de lavanda. Este óleo possui propriedades antissépticas e cicatrizantes, atuam também  sobre picadas de insetos e espinhas.

Óleos essenciais para o rejuvenescimento da pele

Os óleos mais indicados para manter a firmeza da pele e a regeneração celular, são os de amêndoas, áloe vera e zimbro.

O óleo de amêndoas é rico em vitaminas A e E, além de minerais essenciais para a beleza da pele. O óleo de zimbro possui função firmadora da pele e retarda o surgimento de rugas e flacidez.

Já o óleo de áloe vera possui propriedades hidratantes e vitamina E. A vitamina E é importante para manter as células sempre jovens.

Gostou ? Tem dúvidas? Deixei seu comentário!

Massagem Tântrica

Massagem Tântrica

Você já ouviu falar em massagem tântrica? Sabe seus benefícios? A massagem tântrica é um tipo de massagem que tem como principal objetivo redistribuir as energias sexuais do corpo. É uma técnica baseada no tantra e  não é um tipo de sexo. Continue lendo e saiba mais!

Qual a origem da massagem tântrica?

A massagem tântrica é uma técnica terapêutica que surgiu na Índia, baseada nos antigos rituais tântricos da fertilidade e no tantra. Ela é muitas vezes associada ao sexo visto que as técnicas do tantra acabam expandindo os limites sexuais, no entanto não é um tipo de relação sexual. É uma energia sexual, podendo ter ou não ereção durante a massagem.

Pode-se dizer que o principal objetivo da massagem tântrica é proporcionar consciência corporal e, além disso, prazer por meio dos toques das mãos, do pensamento, do movimento e da respiração. Esse tipo de massagem é feito em todo o corpo, há toques no pênis e na vagina, no entanto, não tem nada a ver com uma masturbação.

A massagem tântrica atua no desenvolvimento da autoconsciência e da harmonia entre todos os sentidos: tato, audição, olfato e paladar. Ela surgiu para quebrar com os tabus que limitaram o autoconhecimento e, dessa forma, abriu um espaço para novas percepções, novos caminhos e espaços do perceber-se.

É ainda uma terapia indicada para tratamento de depressão e também de ejaculação precoce.

O que é o tantra?

Já o tantra, em que a massagem tântrica se baseia, é uma filosofia que teve origem há mais de cinco mil anos e tem influência de muitas religiões, correntes filosóficas e culturas.

O tantra é uma antiga filosofia comportamental e um conjunto de práticas espirituais e ensinamentos que buscam expandir a sensibilidade por meio da bioenergia do corpo, com diferentes aplicações terapêuticas.

A bioenergética é uma ciência que acredita na capacidade de influenciar os estados emocionais de cada pessoa através de um trabalho com o corpo. Para o tantra, tocar é conhecer. Nessa filosofia, o tato é estimulado a todo o momento. Dessa forma, o toque é capaz de despertar e estimular sensações, além de excitar.

Benefícios da massagem tântrica

Um dos principais benefícios da massagem tântrica é o orgasmo. Isso porque desde o começo da vida sexual, as pessoas são condicionas a sentir orgasmo somente de uma forma, ou seja, estimulando partes específicas do corpo.

A massagem tântrica vem para modificar isso, limpar esse padrão de comportamento e criar novas conexões de prazer no corpo. Veja a seguir outros benefícios dessa massagem:

  • Relaxa a mente;
  • Potencializa o orgasmo;
  • Reduz a ansiedade;
  • Proporciona mais prazer na hora do sexo;
  • Reequilibra as energias sexuais;
  • Diminui tensões físicas e emocionais;
  • Aumenta a sensibilidade;
  • Ajuda a chegar ao orgasmo com mais facilidade;
  • Ajuda também no combate à ejaculação precoce e ao vaginismo.

Além disso, a massagem tântrica também é uma alternativa excelente para quem já sofreu abuso sexual, já que ela permite que a pessoa reconecte-se com o próprio corpo e que vários sintomas sejam tratados com o objetivo de voltar a sentir prazer no sexo.

Pode ainda ajudar muito as mulheres que não conseguem ter um orgasmo, especialmente se isso for por uma questão psicológica e não alteração fisiológica, é claro. Ela faz com que a mulher descubra prazer ao longo de todo o seu corpo.

Massagem Tailandesa
Valores de Massagem

Como fazer uma massagem tântrica?

Ao contrário de uma massagem convencional, a qual é capaz de atingir tendões e músculos, a massagem tântrica é feita por meio de manobras sutis e delicadas dos dedos.

Ou seja, ela não tem como objetivo relaxar o músculo, mas sim estimular os canais sensoriais do corpo inteiro a fim de distribuir melhor a energia. Sendo assim, é possível deixar as mãos livres para despertar e aguçar a sensibilidade.

É comum que uma sessão de massagem tântrica dure de uma a duas horas. Além disso, é recomendado que sempre aconteça uma conversa com a pessoa a respeito da sua vida e de suas experiências.

Tudo isso a fim de entender quais pontos precisam ser mais trabalhados. As questões normalmente são sobre saúde mental, física e o que o paciente espera do tratamento.

Também é possível fazer a massagem tântrica em casal, para que eles se reconectem e descubram novos estímulos uns nos outros. Nesse caso, o terapeuta tântrico exerce mais o papel de um orientador.

Esse terapeuta precisa ser formado para fazer esse tipo de massagem, certo? Aproveite para conferir a seguir algumas dicas de como fazer a massagem tântrica:

1.      Escolha um óleo de massagem

Antes de qualquer coisa é importante ter em mãos um óleo de massagem que seja capaz de provocar, estimular e aumentar a sensualidade.  Escolha entre as muitas opções disponíveis!

2.      Crie um clima para a massagem

Depois de escolhido o óleo, você precisa criar um ambiente específico para a massagem. Ou seja, pode ser uma luz baixa com música relaxante de fundo e algumas velas.

3.      Peça para seu parceiro deitar de bruços e comece a massagem

Peça para seu parceiro deitar-se de bruços e comece a massagear seu corpo dos pés à nuca. Não se esqueça de controlar a sua respiração e pedir que ele controle a dele também.

É necessário que os movimentos estimulem zonas mais sensíveis e erógenas, como, por exemplo, coxas, orelhas e virilha. Você deve mesclar toques mais leves com as pontas dos dedos com movimentos mais fortes.

As principais dicas são: não deixar nenhuma região do corpo esquecida, não ter pressa, manter a respiração calma e controlada e, por fim, buscar cada vez mais conhecimento sobre a filosofia do tantra lembrando que a prática leva a perfeição!

Para quem serve esse tipo de massagem?

A massagem tântrica serve para qualquer pessoa, já maior de idade, independente da orientação sexual ou estado civil. Gestantes também podem fazer.

É claro que essa modalidade de massagem é indicada para alguns casos em específico, mas isso não quer dizer que qualquer pessoa não possa fazer. Muito pelo contrário! É recomendado que todos que tenham vontade façam massagem tântrica, pois é para todos.

Como você observou, a massagem tântrica traz inúmeros benefícios para as pessoas, desde curar algum trauma psíquico ou físico e até mesmo ajudar a atingir o orgasmo. Sendo assim, não deixe de conhecer essa terapia e tenha uma vida mais feliz e prazerosa. Caso ainda tenha outras dúvidas sobre a massagem tântrica, aproveite para entrar em contato.

Massagem Tailandesa

Massagem Tailandesa

A massagem tailandesa envolve muita sensualidade e muito prazer com um simples toque. Assim como a massagem tântrica, a massagem tailandesa não é um tipo de sexo. No entanto, ela pode preparar o terreno para a relação sexual. Os movimentos são feitos a fim de liberar os pontos de energia vital do corpo humano.

Como surgiu a massagem tailandesa?

A massagem tailandesa é um dos quatro ramos da medicina tailandesa.  Aliás, é também conhecida como medicina através das mãos. Essa divisão da medicina foi feita por um indiano chamado Jivaka Kumar Bhaccha há mais de 2.500 anos atrás – medicina com ervas, medicina espiritual, medicina nutricional e medicina manual (massagem). Dessa forma, a massagem tailandesa surgiu na Índia, por volta do final do ano 200 a.C. Esse tipo de massagem passou a ser conhecido pois era difundido verbalmente por meio de mestre e discípulos desse tempo. Uma curiosidade é que Jivaka Kumar Bhaccha era muito próximo de Buda e, de acordo com a lenda, ele prestava ao mestre três sessões diárias da massagem tailandesa. É claro que muito da história infelizmente não foi preservada e por isso não se sabe ao certo como a massagem chegou até a Tailândia.

Afinal, o que é massagem tailandesa?

A massagem tailandesa ou thai massage é considerada uma vertente terapêutica que consegue trabalhar tanto o corpo quanto a mente ao mesmo tempo liberando os pontos de energia vital do corpo. Portanto, é uma modalidade de massagem que desbloqueia os nós energéticos das pessoas por meio de movimentos longos e suaves. Diferente de muitas massagens que apenas utilizam dedos e a palma da mão, a massagem tailandesa usa outras partes do corpo também, como joelhos e cotovelos já que tem como objetivo fazer pressão nos pontos de energia além de alongar o corpo.  Normalmente ela é realizada no chão e tanto o cliente quanto o terapeuta permanecem vestidos. Entretanto, é recomendado roupas confortáveis a fim de deixar os movimentos livres por causa dos alongamentos. Junto com esse tipo de massagem é possível incorporar práticas da Yoga e da acupressão, ambas utilizadas a fim de aumentar a flexibilidade dos músculos e das articulações.

Massagem Tântrica
Valores de Massagem

Benefícios da massagem tailandesa

Como já falado antes, a massagem tailandesa é capaz de desbloquear os nós energéticos das pessoas e isso traz inúmeros benefícios porque tais nós são considerados a principal causa de doenças adquiridas pelo corpo e pela alma, uma vez que impedem a fluidez da energia vital. Confira abaixo outros dos principais benefícios que a massagem tailandesa é capaz de trazer:

  • Relaxamento por meio do alívio dos músculos;
  • Aumento da flexibilidade;
  • Conhecimento maior do próprio corpo;
  • As articulações se tornam mais resistentes contra inflamações;
  • Ajuda a melhorar a circulação sanguínea e deixá-la mais ativa;
  • Melhora a resistência física;
  • Aumenta a energia;
  • Melhora a pele e o humo;
  • Tonifica os músculos;
  • Sensação de bem-estar geral por meio da liberação da energia vital.

Além disso, a mágoa e o estresse também podem ser curados ou, pelo menos melhorados, por meio da massagem tailandesa. Todo o relaxamento deixa o indivíduo com uma capacidade maior de lidar com situações imprevisíveis e estressantes e até faz com que o rendimento no trabalho e em outras atividades se torne cada vez melhor. As mulheres grávidas também podem ser beneficiadas com essa técnica, no entanto é indicado que o profissional seja especializado a fim de evitar riscos.

 

Como fazer uma massagem tailandesa?

A massagem tailandesa é aplicada inicialmente nos pés, ou seja, parte do corpo que suporta todo o seu peso durante o dia todo. Depois segue por todo o corpo e termina na cabeça. É claro que desde o começo todos os movimentos e toques são suaves. ´  O mais recomendado é que esse tipo de massagem seja feito em lugares sem barulhos e sem luz intensa, já que isso permite que a pessoa descanse tanto o corpo quanto a mente durante as sessões. Uma sessão de massagem tailandesa pode durar até duas horas. Recomenda-se que se recorra a terapeutas profissionais para a realização da massagem tailandesa, pois o mais certo é que se façam sessões com especialistas para melhores resultados. Entretanto, é possível fazer em seu parceiro em casa ou receber também. Aliás, você pode até fazer de forma sensual a fim de excitar o parceiro, uma ótima alternativa! Fica a sua escolha. Só não se esqueça de que a massagem tailandesa não está diretamente ligada ao sexo como muitos imaginam. Pode sim ser uma forma de iniciar uma relação sexual, mas nem sempre é! Com isso, veja alguns passos importantes para a realização da massagem tailandesa:

Passo 1

Como em qualquer tipo de massagem, um bom óleo não pode ficar de fora. Caso prefira, você pode optar por géis e óleos comestíveis para dar uma incrementada, especialmente a dois!

Passo 2

Para começar a massagem tailandesa basta espalhar o óleo pelas mãos e esfregar as palmas uma na outra até que ambas fiquem aquecidas. Só depois disso você começa a tocar a pele da outra pessoa. Um erro muito comum é aplicar o óleo diretamente na pele. Não faça isso!

Passo 3

Já iniciou a massagem? Então você não deve interrompê-la até o final. Suas mãos devem se manter no corpo da outra pessoa a fim de que a troca de energia não seja quebrada. Os movimentos devem ser leves, mas contínuos e firmes, em todas as regiões. Lembre-se de passar a mão mais gentilmente em partes sensíveis e com mais pressão em partes mais tensas. Os movimentos devem ser repetidos até que os músculos alcancem um estado de relaxamento completo.

Passo 4

Ao final da passagem você pode optar por abranger as partes íntimas do seu parceiro, a fim de aumentar ainda mais a ligação entre o casal. Fica a sua escolha! Dica bônus: A massagem tailandesa é excelente para aliviar os sintomas da TPM e dos desequilíbrios hormonais! Use e abuse nesses períodos.

Para quem serve esse tipo de massagem?

Por fim, mas não menos importante, a massagem tailandesa é recomendada para todos os tipos de pessoas, sem exceções. Até mulheres grávidas podem fazer, conforme já mencionado. Você pode aliviar o estresse e alongar seus músculos com essa massagem! Os benefícios são inúmeros, tanto para seu corpo quanto para sua mente, basta fazer do jeito certo. E aí, o que você achou da massagem tailandesa? Já fez alguma sessão ou pretende fazer? Ainda ficou com alguma dúvida? Entre em contato para marcar sua massagem tailandesa e sinta na pele, e também na mente, todos os impactos positivos deste toque!